FC Santa Cruz

Santa Cruz vence e garante permanência na Série A2

01/05/2017

Enfim, o alívio. O Santa Cruz venceu o São Gabriel por 2 a 0 na tarde desta segunda-feira, 1º, nos Plátanos, e garantiu a permanência na Série A2 do Campeonato Gaúcho. O centroavante Americano foi o destaque da partida, marcando os dois gols, ambos de pênalti. O Galo foi a 14 pontos, saindo da lanterna e alcançando foi grupo A. Sem risco de rebaixamento, a equipe alvinegra fecha a participação na Divisão de Acesso no clássico regional contra o Guarani no próximo sábado, 6, às 16 horas, no Edmundo Feix, em Venâncio Aires. No mesmo dia e horário, São Gabriel e Guarany de Bagé vão decidir quem irá cair para a Terceirona, na Campanha.

PRIMEIRO TEMPO:
O técnico Hélio Vieira teve de mexer na equipe para o confronto. O zagueiro Gustavo Miranda fraturou o tornozelo esquerdo no duelo contra o Internacional de Santa Maria na quinta-feira passada, e está fora do restante da competição. Com isso, Marciel retornou à defesa ao lado de Caio e Otávio começou na lateral esquerda. Aos 7 minutos, o Galo chegou bem com Otávio pela esquerda. Ele tentou o arremate direto, mas ninguém apareceu no meio do caminho para concluir. O time carijó tinha a posse de bola e marcava presença de ataque, no entanto, sem chances efetivas para sair em vantagem.

O São Gabriel só ameaçou aos 14 com Jaime, que bateu falta e a bola passou perto da meta esquerda defendida por Vandré. Quatro minutos depois, os donos da casa quase largaram na frente. Em velocidade, Léo Porto cruzou na área, porém Americano não chegou a tempo de empurrar para o fundo da rede. Só dava Santa Cruz. Aos 21, Alex Goiano tocou de cabeça para Léo Porto, que mandou uma bomba, de canhota, e Juliano espalmou para escanteio. O time visitante criou uma situação de perigo ao 35. Na saída errada de bola do Galo, Jeorge tentou o passe rasteiro para João Felipe, porém o goleiro Vandré se antecipou e fez a defesa.

Aos 40, o Galo sofreu uma baixa. Alex Goiano voltou a sentir a coxa esquerda, que já o havia deixado fora por quase um mês, dando lugar a Evair. Os últimos minutos do primeiro tempo foram praticamente de domínio da equipe carijó. Aos 42, Guilherme Sapé lançou na área e Carlos Eduardo cabeceou para defesa firme de Juliano. Dois minutos mais tarde, ele teve outra oportunidade, quando Léo Porto foi na linha de fundo e cruzou para o volante, que acabou finalizando para fora. O São Gabriel quase abriu o placar aos 45. João Felipe acionou Jeorge, que furou em bola na frente de Vandré.

SEGUNDO TEMPO:
O Santa Cruz partiu para a pressão desde o início e conseguiu sair na frente aos 10 minutos. Na falha do sistema defensivo, Americano foi arrematar e acabou sendo calçado por Guilherme. O árbitro Daniel Noronha assinalou pênalti. Na cobrança, o próprio camisa 9 bateu no canto esquerdo de Juliano – 1 a 0. O São Gabriel tentava o empate, mas aos 21 o Galo teve outra penalidade a seu favor e, de novo, sofrida por Americano, que foi derrubado por Guilherme na pequena área. Ele mesmo cobrou no mesmo canto, Juliano ainda tocou na bola, mas ela morreu no fundo da rede – 2 a 0.

A vantagem deu tranquilidade para o time carijó, que passou a administrar a posse de bola. Aos 32, Rafinha ocupou a vaga de Léo Porto, na segunda alteração promovida por Hélio Vieira. Já aos 37, ele fez a última mudança, com Wiliam Campos no lugar de Americano, destaque da tarde, que deixou o gramado muito aplaudido pela torcida. A situação do São Gabriel, que já era ruim, ficou pior, aos 42, quando Carlão, que já tinha cartão amarelo, atingiu o rosto de Rafinha e foi expulso. Antes do apito final, mas dois atletas levaram o vermelho e deixaram o gramado mais cedo: Evair, pelo lado alvinegro, e Jeorge, pelo São Gabriel. O Galo aproveitou para controlar as ações e comemorar a vitória, que o mantém na Série A2 de 2018.

GAÚCHO SÉRIE A2 – 1ª FASE – 13ª RODADA
SANTA CRUZ 2 a 0 SÃO GABRIEL

Data e horário: Segunda-feira, 1º de maio, 15h30
Local: Plátanos, em Santa Cruz do Sul
Árbitro: Daniel Noronha
Cartões amarelos: Marciel, Léo Porto, Caio (Santa Cruz); Carlão, Márcio, Guilherme (São Gabriel)
Cartões vermelhos: Carlão e Jeorge (São Gabriel); Evair (Santa Cruz)
Gols: Santa Cruz – Americano (10/2ºT e 21/2ºT)

SANTA CRUZ
Vandré; Guilherme Sapé, Caio, Marciel e Otávio; Arthur Santos, Elias, Carlos Eduardo e Alex Goiano (Evair); Léo Porto (Rafinha) e Americano (Wiliam Campos)
Técnico: Hélio Vieira

SÃO GABRIEL
Juliano; Vagner (Márcio), Carlão, Guilherme e Jaime; Diego Borges, Davi (Júnior), Tawan (Flavinho) e Rilber; João Felipe e Jeorge
Técnico: Badico

Texto: PortalGaz | Foto: Bruno Pedry/PortalGaz

MELHORES MOMENTOS (por MeuEsporte.tv):





Patrocínio Cigha Patrocínio Santa Mídia


SITE OFICIAL
FUTEBOL CLUBE
SANTA CRUZ

Rua Gaspar Silveira Martins, 1448
Fone: (51) 3711-2781
ASSINE A NEWSLETTER

Design por Empório   NF